Arquivo de Junho, 2012

Newsletter Nº6 – Junho 2012

Obra de remodelação de um apartamento T0

Apartamento T0 que vai sofrer uma profunda remodelação, os trabalhos que vão a ser realizados no decorrer do próximo mês são: – Demolições (remoção de alcatifas, mosaicos, divisória, portas, roupeiro, movéis de cozinha, louças sanitárias);

– Substituição da rede de água e esgotos;

– Substituição do pavimento;

– Colocação de soalho flutuante;

– Substituição da rede eléctrica;

– Substituição completa da cozinha;

– Substituição de todas as louças sanitárias e misturadoras;

– Substituição dos revestimentos da parede do wc, colocação de azulejos em toda a área da base de duche;

– Colocação de pavimento cerâmico no wc;

– Divisória em gesso cartonado;

– Colocação de alumínio com vidro duplo;

– Aplicação de massas finas e grossas para reparação das paredes e tectos e pintura de todas as divisões;

– Limpeza final da obra.

Publicado na Newsletter de Janeiro de 2012

Projecto de execução e caderno de encargos

Além dos projectos que são exigidos pelas Câmaras Municipais para licenciar uma obra, existe o projecto de execução que não é obrigatório mas que é de elevada importância.

No projecto de execução especifica-se os materiais, os métodos construtivos e todos os pormenores referentes à boa e correcta aplicação de todos os materiais a serem utilizados em obra. Com isto, a empresa de construção sabe exactamente o que fazer, pois irá construir segundo as indicações existentes no projecto de execução e caderno de encargos. Normalmente quem faz o projecto de execução é o autor do projecto de arquitectura.

O projecto é também importante para uma melhor e correcta elaboração do orçamento, pois as empresas de construção com o projecto de execução têm uma base mais específica/pormenorizada para orçamentar o que realmente irá ser construído. Assim, no orçamento final serão mencionados com exactidão os valores dos materiais que vão ser utilizados e não um valor médio para possíveis materiais que vão ou não ser utilizados.

O dono de obra solicitando este serviço ao autor do projecto faz com que o orçamento seja o mais aproximado possível da realidade, facilitando a análise por parte do cliente dos vários orçamentos fornecidos pelas empresas de construção.

Vantagens para o dono de obra quando este tem projecto de execução e caderno de encargos:

– Obtém uma definição pormenorizada de toda a obra;

– É definido todos os métodos e técnicas de construção aprovados pelo dono de obra;

– Facilita a comparação dos vários orçamentos;

– Diminui a probabilidade de existir erros e omissões nos diversos projectos e orçamentos;

– Encurta o prazo de construção da obra;

– Reduz substancialmente custos adicionais no final da obra.

Muitas vezes o cliente não dá importância ao projecto de execução, porque acha que o valor para a elaboração do mesmo é muito elevado, e acaba por pagar um valor muito superior no decorrer da obra (derrapagens orçamentais), por não ter definido inicialmente tudo o que pretendia para a sua obra.

%d bloggers like this: